Blog

Como distribuir o dinheiro que entra do 13º salário?

09.11.2018

Como distribuir o dinheiro que entra do 13º salário?

Confira algumas dicas para distribuir o dinheiro que entra do 13º salário.

Saber como usar adequadamente o dinheiro que entra do 13º salário é muito importante para que você consiga pagar todas as contas necessárias e aproveite as compras de fim de ano sem prejudicar a saúde financeira. 

Após aguardar o ano inteiro para ter acesso a essa renda extra, muitas pessoas começam a gastar o 13º salário antes mesmo que ele entre na conta bancária. Quando isso acontece, são grandes as chances de que o décimo terceiro salário seja mal distribuído.

Por outro lado, com um bom planejamento, é possível explorar ao máximo o 13º e dividi-lo entre todas as suas necessidades. Para ajudá-lo a colocar isso em prática, preparamos algumas dicas. Acompanhe.

Como distribuir o dinheiro que entra do 13º salário?

Imagine que você faça compras de presentes e tenha gastos extras com reuniões no fim de ano, e, após somar todas essas despesas, nota que já gastou grande parte do seu 13º salário.

Certamente, não era assim que você imaginava gastar um dinheiro extra e tão esperado durante o ano inteiro, não é? Por essa razão, um bom planejamento para distribuir o valor do 13º salário pode ser um diferencial para que esse dinheiro realmente seja usado de forma satisfatória.

Para isso, é essencial identificar quais são as principais das despesas que você pode pagar com essa renda extra. Dentre elas, temos:

Pagamento de dívidas

Para quem tem dívidas acumuladas, o 13º salário é uma ótima solução para iniciar o ano novo sem pendências financeiras. Em vez de assumir outros compromissos, é mais vantajoso frear a incidência das taxas de juros e multas.

Mesmo nos casos em que o 13º salário não é suficiente para quitar todas as dividas, esse dinheiro pode ser usado para renegociar as pendências e dar o primeiro passo para acabar com todos os compromissos no início do ano seguinte.

Gastos de fim de ano

O 13º salário costuma ser usado para encarar todos os gastos de fim de ano: compra de presentes, confraternizações, festas, passeios e viagem em família, entre outros. Por ser uma época que gera um aumento nas despesas domésticas, é importante dedicar uma parcela ao 13º salário para esses gastos.

Projetos futuros

Você planeja trocar de carro, fazer uma grande viagem ou abrir o negócio próprio? Esses são ótimos exemplos de projetos futuros que podem se beneficiar do 13º salário. Não deixe de separar uma parcela dos ganhos para essa finalidade.

Compras adiadas

Sabe aquelas compras que você adiou durante o ano porque não cabiam no orçamento? Talvez seja possível aproveitar o 13º salário para tirá-las do papel. Esse é de um bom momento para comprar uma televisão maior, trocar de cama ou adquirir um novo eletrodoméstico.

Reserva financeira

Aproveite a renda extra do 13º salário para compor uma reserva financeira que pode ser utilizada para pagar custos imprevistos que tendem a surgir ao longo do ano seguinte. Ter um dinheiro extra guardado pode ser muito útil para conseguir manter a saúde financeira.

E então, gostou das dicas para distribuir o 13º salário? Se você busca pelas melhores formas de lidar com as finanças, conheça o Jeitto – um aplicativo de empréstimo online na medida certa e sem juros!